Brasil lidera ranking das universidades latino-americanas

Publicado por: Em: 04/10/2011

universidades.png

A UDESC ficou com a 29ª posição entre as universidades brasileiras e a 96ª da América Latina.

O Brasil é o líder no ranking das melhores universidades da América Latina. Além do primeiro lugar, ocupado pela Universidade de São Paulo (USP), o país emplacou outras 65 universidades entre as 200 primeiras da lista. O ranking QS de universidades latino-americanas foi publicado nesta terça-feira no site TopUniversities.

A quantidade de universidades brasileiras no topo da lista é o dobro do México, que aparece com 35, e está à frente também de Argentina e Chile, com 25 cada um. Segundo os autores do estudo, as universidades brasileiras adquiriram oito dos dez primeiros lugares em produtividade de pesquisa e tiveram a maior proporção de acadêmicos com doutorado. O texto destaca, ainda, que o número de matrículas universitárias triplicou nos últimos 10 anos no Brasil.

Em segundo lugar no ranking está a Pontifícia Universidade Católica do Chile e, em terceiro, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). ”Enquanto muitos governos de países desenvolvidos cortam os gastos em universidades, os Bric (Brasil, Rússia, Índia e China) estão investindo grandes quantias de dinheiro na construção de universidades de nível internacional”, avaliou o diretor da página TopUniversities.com, Danny Birne, para quem o denominador comum é que todos consideram a educação um “elemento chave” para seu desenvolvimento.”

Com relação a outros países, a primeira instituição de ensino mexicana, a Universidade Nacional Autônoma do México (Unam), apareceu em quinto lugar; em sexto está a primeira de 21 instituições colombianas, a Universidade dos Andes; e a primera da Argentina, a Universidade de Buenos Aires, em oitavo.

Nesta primeira edição do ranking regional, o QS se baseou em critérios específicos da América Latina, como a proporção de professores com doutorado, a produtividade de pesquisas per capita e a presença na internet, assim como pesquisas existentes. Os pesquisadores, no entanto, se questionam se o Brasil poderá chegar a ser a próxima superpotência universitária.

No mais recente ranking QS das melhores universidades do mundo 2011, liderado pela primeira vez pela Universidade de Cambridge, na Grã-Bretanha, a USP só alcançou o 169º lugar, sendo a única instituição de ensino latino-americana entre as 200 melhores do mundo.

Texto: Veja
Lista: QS TopUniversities
 

Leave a Reply